sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Todos os dias temos de nos salvar um pouco


Todos os dias temos de nos salvar um pouco. Abrir os cortinados e sorrir para um novo dia.
Todos os dias temos de nos salvar um pouco. Confortarmo-nos num café quente após mais uma batalha vencida, porque todas as manhãs são uma vitória.
Todos os dias temos de nos salvar um pouco. Da maldade e da indiferença. Da insegurança e do ódio.
Pegar nas nossas partes mais obscuras e dar-lhes luz. Olhar os traumas, compreender o que dói, aceitar as cicatrizes, tornarmo-nos mais fortes. 
Todos os dias temos de nos salvar um pouco. Evitar o ''Eu nunca'' e o ''Eu não sou capaz''. Acreditar que os obstáculos são criados pela nossa mente e que não existe nada que a força de vontade não seja capaz de ultrapassar.
Todos os dias temos de nos salvar um pouco. Do exterior e principalmente do nosso interior. Afinal de contas a maior guerra acontece sempre dentro de nós.

4 comentários:

Coquinhas disse...

Que texto tão bonito :')

Ana Ferreira disse...

Ohh obrigada :)

➳ Nea ☽ disse...

Estou a conhecer o teu blog agora, e já estou apaixonada. Parabéns, pela forma como escreves, pela emoção que consegues transmitir de uma forma tão simples :)

Ana Ferreira disse...

Oh, obrigada eu pelo teu comentário! Espero que o continues a ler e continues a gostar :) Escrever é de facto uma paixão enorme e ler palavras assim como as tuas torna logo o meu dia bem mais bonito! um beijinho