sábado, 25 de fevereiro de 2012

Acordei assim e assim fiquei...


... Olhos de chinesa, puxo feito, cabelos misturados e provavelmente com alguns nós no meio daquela trafaria toda. 
Resumindo? totalmente gadelhuda, tipica personagem da manhã.
Sinceramente, eu não quero saber porque sinto-me bem assim.

Estava a sonhar mesmo bem e eis que vou a ver a cara da pessoa e a presenciar o grande final e trriiiiimmm, lá vem o despertador.
Mal ouvi aquele zumbido  o meu primeiro pensamento foi ''vá, por favor tirem-me deste filme''.
 Haverá pior que o despertador tocar no melhor momento do sonho?
Haverá pior que ficar na ignorância de uma história?
Haverá pior que sair do caloroso conforto da caminha e dos cobertos sedosos com cheiro a camomila?

 Pior só mesmo descobrir que é sábado e colocaste o despertador a funcionar.
''O QUE?''- rapariga andas uma distraida já viste? que se passa contigo?
Ha... não disfarces tu sabes tão bem! é ele que te deixa assim.
Com pensamentos leves e de coração preenchido.
Asas de anjo, coração de manteiga, barriga de borboletas, olhos doces como o mel e ternura de bébé.
Que mais fará em ti? Vá menina distraída não pode ser sempre assim.
Vá um dia perderes a cabeça e depois como a encontras? 
Acorda menina.

Sabes? Hoje vou ficar de pijama, hoje não vou acordar assim como dizes.
 Hoje vou sonhar... sonhar acordada*

10 comentários:

inês geraldes disse...

Perfeito!

Live without masks disse...

simplesmente Ana. Adoro <3

Live without masks disse...

Muito obrigada ly too <3

inês geraldes disse...

Obrigada! :)
Sim? E sabes o que fazer, então?

marta ∞ disse...

adoro o teu blog, vou seguir querida *

inês geraldes disse...

Foram esses os meus pensamentos nos últimos dias. Se eu for feliz, alguém vai sofrer. Se eu não for, sofro eu!

Blair disse...

obrigada :))

inês geraldes disse...

É mesmo isso! Mas tens razão, se eu não fizer pela minha felicidade, ninguém vai fazer... obrigada!!

inês geraldes disse...

Oh, obrigada mesmo!! E tu igualmente :)

inês geraldes disse...

Oh, és uma querida! É bom saber que temos pessoas a apoiar-nos, pessoas que mal nos conhecem (: