quarta-feira, 4 de julho de 2012

O maior dos labirintos a maior das contradições


E pela quinta vez estou a tentar escrever sobre ti. É difícil escrever quando estás tu em causa, é difícil exprimir-me e apesar de ficar confusa e irritada comigo mesma eu percebo bem porquê. Quando penso em ti milhares de pensamentos me atacam como animais ferozes. Mas espera, é um feroz dócil. Sim é contraditório. Mas o amor também não é contraditório?
Oh meu doce está a chegar o momento em que as minhas palavras se extinguem e eu já não sei mais que dizer. Porque me deixas assim? Sem palavras para soltar, sem letras para juntar? Deixas-me com pensamentos por decifrar e com uma vontade louca de te abraçar.
 E onde estas agora? Onde está o teu abraço? O teu sorriso? A tua mão e a tua respiração perto da minha? Oh a culpa é deste tempo louco que nos afasta e que faz de tudo para andar bem devagarinho quando estamos afastados. O tic tac do relógio parece uma daquelas torturas chinesas para confessar crimes e eu começo a não aguentar. É de loucos! Eu não tenho nada para confessar a não ser o quanto preciso de ti. Ai tempo deixa de ser assim matreiro e anda rápido, vá por favor, não me tortures mais. Deixa que o meu mundo docilmente feroz volte e aí sim pára no tempo e fecha o labirinto. Deixa-nos estar juntos. Sim porque juntos somos o maior dos labirintos, a maior das contradições.

10 comentários:

EBA ☮ disse...

já acreditei durante imenso tempo... agora cansei s:

Ivy disse...

bonito texto*

Maria João Cardoso disse...

oh achaste mesmo? eu reparei que me seguiste e queria seguir-te de volta mas não encontro nenhum sítio onde fazê-lo.

// será que podes passar pelo meu blog de fotografia e se gostares deixar lá um "gosto" se faz favor?

Inês Geraldes disse...

Oh, obrigada! :-)
Este texto também está lindo, é óptimo estar apaixonada e conseguir ser correspondida :-)

Maria João Cardoso disse...

no topo onde? o:

Maria João Cardoso disse...

sim, eu sei e já te estou a seguir (:
(tumblr, sigo sempre de volta)

Maria João Cardoso disse...

de nada (:

Inês Geraldes disse...

Imagino, tu eu! Mas o meu ainda não chegou :)

EBA ☮ disse...

já nada vale, mesmo :x

Inês Geraldes disse...

Oh, gostas? Obrigada linda :3