quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Com o tempo vais aprender que...


Dores pequenas vão fazer-te aprender a lição, dores maiores vão moldar a tua personalidade. De todas as dores que vais sentir, nenhuma delas é mais ou menos especial, talvez porque cada uma tem um certo impacto em quem nos tornamos e naquilo que somos. Talvez porque todas as dores - façam elas chorar ou gritar - tenham o seu papel. 
Aos poucos vais te tornar uma pessoa mais forte, vais aprender que ultrapassar os limites é possível e quebrar as regras por vezes necessário. Vais ser egoísta e vais deixar de sê-lo também. Vais ignorar muitos avisos, vais bater com a cabeça e vais acabar por dar razão a quem te avisou. Vais aprender que ser teimoso tanto pode ser um defeito como uma virtude. Vais aprender que estar de pé atrás nem sempre é ser falso e que vais fazê-lo mais vezes do que imaginavas. Vais passar por uma fase da tua vida que vais desconfiar de meio mundo, até ao dia em que perceberes que existe outro meio que afinal até vale a pena. Vais perder a fé nas pessoas muitas vezes. Vais passar a ter uma alma mais confiante. Vais tornar-te mais resiliente, mais consciente, mais paciente até.Vais tornar-te em tanto e aprender outro tanto também. Oh, e existe um monte de coisas que ainda te vão magoar, que te vão querer fazer desistir e chorar até ao amanhecer. 
No final, aquilo do qual te mais vais orgulhar, é de teres passado a acreditar mais em ti. Vais olhar para trás e orgulhar-te naquilo em que te tornaste. Porque o passado faz o futuro. Porque nós somos os únicos responsáveis pelo nosso próprio destino. E porque se não tivermos orgulho em nós, quem mais terá?

2 comentários:

Mari disse...

Tão tão verdade.
Sinto muito orgulho em mim.
E subscrevo a 100% aquilo que mencionaste de perder a fé nas pessoas, mas perceber que existe outro meio mundo que vale a pena ;)

Cláudia S. Reis disse...

Que texto tão verdadeiro!! Não teria dito melhor :)