sábado, 8 de abril de 2017

Ninguém te vai impedir de renascer.


Um dia vai chegar a altura em que as máscaras vão cair. Um dia vais deixar as lágrimas escorrer, não as vais esconder. Um dia vai chegar a altura em que te sentirás segura, independentemente das cicatrizes deixadas, dos segredos guardados.
Não te vou dizer que as marcas desaparecem, ou que as lembranças se vão. Não te vou mentir. Mas quando chegar o dia prometo que vais sentir alivio. Vais sentir o peso que sempre te pressionou o peito desaparecer, o nó na garganta a dissipar, os pés descalços a sarar. 
Quando esse dia chegar, todas as tuas dores vão ser motivo para amar a vida, por tudo o que conquistaste, por todas as vezes que gentilmente tentaste ser feliz na mágoa. Quando esse dia chegar, todos os medos superados vão mostrar-te que valeu a pena lutar na esperança de dar novas tonalidades ao mundo, na perseverança de conseguir  um novo olhar sobre a existência - porque vale sempre a pena.
Um dia vai chegar a altura em que sem máscara vais sorrir. Quando esse dia chegar, nada te vai impedir de florescer. Ninguém te vai impedir de renascer.

5 comentários:

Cláudia S. Reis disse...

E quando esse dia chegar todo o passado ficará para trás e o futuro será o melhor que alguma vez vivemos!

Maria do Mundo disse...

É uma questão de nos dispormos a florescer. Tudo leva o seu tempo. Mas é uma questão de atitude.

samedi disse...

Gosto tanto do peso que deste a estas palavras!
Há que (sempre) acreditar que renascer é florescer :)

disse...

a única pessoa que nos pode impedir de renascer, somos nós. e espero que nunca te impeças de ver a primavera em tons renovados, e de ter todas essas mudanças de que falas na tua vida:)

♥Cat disse...

Que texto tão bonito e tão cheio de esperança. É preciso coragem e determinação para se renascer mas vale a pena o esforço!