quinta-feira, 19 de julho de 2018

Se te pudesse dizer


Se te pudesse dizer quantos sentimentos vão dentro de mim. Uma infinidade de sensações num espaço tão pequeno. Tantas versões de um ser, dentro de um só corpo. Centenas de combinações de emoções, milhares de possiveis padrões de frases, possiveis perguntas e respostas e até silencios. Sabias que até o silencio pode ter diferentes padrões? Existem silencios que gritam mais alto que gritos, que conseguem falar mesmo não tendo voz. 

Se te pudesse dizer quantos sentimentos vão dentro de mim. Uma complexidade mais complexa que um labirinto, uma simplicidade tão simples como um jardim. E nada do que te diga parece ser suficiente para te explicar as milhentas versões que cabem dentro deste corpo, o milhão de tonalidades que uma alma consegue ter. Sabias que as almas têm mais cores que o arco iris?

Se te pudesse dizer quantos sentimentos vão dentro de mim. Quantos sorrisos e lágrimas encaixam num rosto sério. Quanto medo se acomoda numa feição serena. Quanta coragem se infiltra naquele que sempre foi chamado de fraco. Uma infinidade de sensações em espaços tão pequenos. Universos inteiros em almas. Tantas versões de um ser, dentro de um corpo só.

4 comentários:

Nea ☽ disse...

"fraco" é um termo muito relativo, dito pelas pessoas sem reflexão...

Ana Ferreira disse...

Não diria melhor!

Luzograal disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Cláudia S. Reis disse...

Somos tantos num só. Temos o mundo em nós.